quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

GENESIS: O PRINCÍPIO DE TODAD AS COISAS Parte 2B



Pr. Paulo David

NOÉ- O Princípio da OBEDIÊNCIA.

Até agora temos aprendido que:
A Queda espiritual de Adão e Eva aconteceu por causa da desobediência, mas Deus em sua misericórdia, através do sacrifício de um animal, os cobriu, justificando-os. Este sacrifício simbolizava o verdadeiro sacrifício, o do Senhor Jesus, que em obediência ofereceu-se pelos pecadores.
 Romanos 5:9
“Porque, como pela desobediência de um só homem, muitos foram feitos pecadores, assim pela obediência de um muitos serão feitos justos.”

Com a história de Caim e Abel aprendemos que  somente pela graça que nos foi concedida em Cristo Jesus somos aceitos por Deus e que a Religião só pode produzir auto justiça, e esta por sua vez, nos afasta ainda mais do Senhor.

Romanos 5:1
“TENDO sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo;”

Efésios 2: 8 e9
8 Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.
9 Não vem das obras, para que ninguém se glorie;
Gênesis 6 : 1-5
1 E ACONTECEU que, como os homens começaram a multiplicar-se sobre a face da terra, e lhes nasceram filhas, 2 Viram os filhos de Deus que as filhas dos homens eram formosas; e tomaram para si mulheres de todas as que escolheram. 3 Então disse o SENHOR: Não contenderá o meu Espírito para sempre com o homem; porque ele também é carne; porém os seus dias serão cento e vinte anos. 4 Havia naqueles dias gigantes na terra; e também depois, quando os filhos de Deus entraram às filhas dos homens e delas geraram filhos; estes eram os valentes que houve na antiguidade, os homens de fama. 5 E viu o SENHOR que a maldade do homem se multiplicara sobre a terra e que toda a imaginação dos pensamentos de seu coração era só má continuamente..
Judas 6 e 7
6 E aos anjos que não guardaram o seu principado, mas deixaram a sua própria habitação, reservou na escuridão e em prisões eternas até ao juízo daquele grande dia;
7 Assim como Sodoma e Gomorra, e as cidades circunvizinhas, que, havendo-se entregue à fornicação como aqueles, e ido após outra carne, foram postas por exemplo, sofrendo a pena do fogo eterno.

Até neste momento na história humana o problema se restringia ao relacionamento entre o homem e Deus, mas agora surge um elemento novo para interpor-se a esta relação. Anjos que caíram com Satanás tomaram mulheres para si e geraram filhos com estas mulheres. Esse é o princípio do culto a outros deuses e semideuses adorados por muitos povos na antiguidade como os Egípcios, Mesopotâmicos, Sodoma, Gregos, Romanos, Astecas, Maias, Incas etc. Estes deuses não eram frutos da imaginação humana, eles eram seres reais e uma das provas da sua presença na terra pode ser notada nos marcos deixados  na história de muitos povos como Pirâmides, Monumentos, Inscrições, calendários e outros, que exigiam conhecimentos muito além daqueles que os homens da antiguidade possuíam. Desde aquele tempo até hoje estas entidades do mal continuam se apresentando de várias formas que vão de seres extraterrestres em discos voadores até aparições na forma de “seres espirituais enviados por Deus”.
Era muito comum nos cultos pagãos da antiguidade a idolatria, os sacrifícios humanos e a existência de sacerdotisas que se prostituíam como parte do culto a esses deuses. A sensualidade presente nos cultos afro-brasileiros associados a entidades femininas são indicadores desta relação entre a carne e a influência maligna.
 Deuteronômio 6:4
“Não seguireis outros deuses, os deuses dos povos que houver ao redor de vós;“

Mateus 4:0
“Então disse-lhe Jesus: Vai-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás. “


Gálatas 1:8
“ Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema.”

II Coríntios 11: 14 e 15
14 E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz.
15 Não é muito, pois, que os seus ministros se transfigurem em ministros da justiça; o fim dos quais será conforme as suas obras.

I Coríntios 10:20 [2]
“ Antes digo que as coisas que os gentios sacrificam, as sacrificam aos demônios, e não a Deus. E não quero que sejais participantes com os demônios. “


Satanás busca a adoração dos homens e seus anjos trabalham nesse sentido. Descer a terra e se misturar com os homens têm sido parte do grande intento de Satanás. Este intento é chamado na bíblia de mistério da injustiça e está relacionado à manifestação futura do Anti-Cristo.

II Tessalonicenses 2:3-8

3 Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição,
4 O qual se opõe, e se levanta contra tudo o que se chama Deus, ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus.
5 Não vos lembrais de que estas coisas vos dizia quando ainda estava convosco?
6 E agora vós sabeis o que o detém, para que a seu próprio tempo seja manifestado.
7 Porque já o mistério da injustiça opera; somente há um que agora resiste até que do meio seja tirado;
8 E então será revelado o iníquo, a quem o Senhor desfará pelo assopro da sua boca, e aniquilará pelo esplendor da sua vinda;

Essa união entre Anjos e humanos é abominável para Deus, e quando isso acontece, sua ação é implacável. Essa mistura sempre esteve relacionada  à generalização da violência e da imoralidade. Por causa desta Deus trouxe juízo ao mundo no tempo de Noé e em Sodoma e Gomorra. Os Anjos que praticaram esta abominação estão aprisionados aguardando o juízo.

Genesis 6: 6-8

6 Então arrependeu-se o SENHOR de haver feito o homem sobre a terra e pesou-lhe em seu coração. 7 E disse o SENHOR: Destruirei o homem que criei de sobre a face da terra, desde o homem até ao animal, até ao réptil, e até à ave dos céus; porque me arrependo de os haver feito. 8 Noé, porém, achou graça aos olhos do SENHOR.

No meio de uma geração corrupta um homem encontrou graça aos olhos de Deus.
E isso não era por acaso. Noé pertencia à família de Sete e seguia no caminho de Abel. Ele não se contaminou seguindo outros deuses nem  tão pouco confiava na carne. Não se firmava na auto justiça. Ele era da Fé. Por isso Noé achou graça aos olhos de Deus.

Romanos 8:8
“Portanto, os que estão na carne não podem agradar a Deus.”

Genesis 6:9
 “Estas são as gerações de Noé. Noé era homem justo e perfeito em suas gerações; Noé andava com Deus.”

Veja o que a bíblia diz de Noé: “Era homem justo e perfeito em sua geração”. Como isso foi possível? A resposta vem a seguir: NOÉ ANDAVA COM DEUS!
Quando andamos com Deus somos cobertos pela sua justiça e participamos da sua perfeição. Não que tenhamos justiça própria ou que sejamos perfeitos em nós mesmos, mas nossa justiça e perfeição vem do Senhor.

Genesis 6; 10-22:
10 E gerou Noé três filhos: Sem, Cão e Jafé. 11 A terra, porém, estava corrompida diante da face de Deus; e encheu-se a terra de violência. 12 E viu Deus a terra, e eis que estava corrompida; porque toda a carne havia corrompido o seu caminho sobre a terra. 13 Então disse Deus a Noé: O fim de toda a carne é vindo perante a minha face; porque a terra está cheia de violência; e eis que os desfarei com a terra. 14 Faze para ti uma arca da madeira de gofer; farás compartimentos na arca e a betumarás por dentro e por fora com betume. 15 E desta maneira a farás: De trezentos côvados o comprimento da arca, e de cinqüenta côvados a sua largura, e de trinta côvados a sua altura. 16 Farás na arca uma janela, e de um côvado a acabarás em cima; e a porta da arca porás ao seu lado; far-lhe-ás andares, baixo, segundo e terceiro. 17 Porque eis que eu trago um dilúvio de águas sobre a terra, para desfazer toda a carne em que há espírito de vida debaixo dos céus; tudo o que há na terra expirará. 18 Mas contigo estabelecerei a minha aliança; e entrarás na arca, tu e os teus filhos, tua mulher e as mulheres de teus filhos contigo. 19 E de tudo o que vive, de toda a carne, dois de cada espécie, farás entrar na arca, para os conservar vivos contigo; macho e fêmea serão. 20 Das aves conforme a sua espécie, e dos animais conforme a sua espécie, de todo o réptil da terra conforme a sua espécie, dois de cada espécie virão a ti, para os conservar em vida. 21 E leva contigo de toda a comida que se come e ajunta-a para ti; e te será para mantimento, a ti e a eles. 22 Assim fez Noé; conforme a tudo o que Deus lhe mandou, assim o fez.

Dois princípios encontramos na vida de Noé: Um era que ele andava com Deus , o outro, era a OBEDIÊNCIA, que é um fruto do Andar com Deus.

Filipenses 2:13
“ Porque Deus é o que opera em vós tanto o querer como o efetuar, segundo a sua boa vontade.”

Genesis 6:22
“Assim fez Noé; conforme a tudo o que Deus lhe mandou, assim o fez.”

 Muitos não conseguem obedecer porque ainda não aprenderam a andar com Deus.
Procuram a Deus de tempos em tempos, mas não estão constantemente na sua presença. Assim obedecer através do esforço humano e fracassam.
Uma vida de obediência é o resultado do andar com Deus!

A obra a qual Noé foi chamado exigiria uma obediência perfeita, pois a Arca era uma espécie de embarcação feita para transportar muitos animais e a família de Noé e deveria ser construída exatamente como o Senhor havia indicado. Noé andando com Deus havia aprendido a Obedecer.
Muitos de nós não sabemos o que é obedecer. Estamos sempre querendo colocar nossa opinião. Queremos fazer a obra de Deus da nossa maneira, que na maioria das vezes pensamos ser melhor que a maneira de Deus. Deus nos pede para fazer a sua obra e nós prontamente fazemos a nossa.
Muitas obras foram iniciadas com Deus, e depois continuaram sem ele. Não é de se admirar que muitas obras tragam a foto de seus líderes exposta na entrada. É um testemunho claro que esta obra, que um dia possa ter iniciado em Deus, agora se encontra “SOBRE NOVA DIREÇÃO”.
Deus não quer que façamos algo para Ele, Ele quer que façamos o que Ele nos manda fazer. O que está em questão aqui não é o trabalhar para Deus, e sim o trabalhar com Deus.
Se para nós já é difícil aprendermos a andar com Deus, o que se dirá de aprender a trabalhar com Deus?
Noé estava pronto para aprender a trabalhar com Deus, pois ele já havia aprendido a andar com Deus.

Não queremos aqui entrar em detalhes sobre a construção da Arca em si, mas enfatizar que ele cumpriu o papel dela, o de salvar vidas, durante o dilúvio. Qual o segredo da Arca?
Muito simples;
Genesis 6: 22
 “Assim fez Noé; conforme a tudo o que Deus lhe mandou, assim o fez.”

Precisamos aprender a andar com Deus.
Precisamos aprender a ouvir Deus falar.
Precisamos aprender a fazer tudo o que Deus mandar. Se assim fizermos vai dar certo e não vai afundar.

O capítulo 7 de Genesis nos mostra como, conforme a Palavra do Senhor, veio o dilúvio sobre toda a terra, como este fez desaparecer a vida que nela havia e como Noé, sua família e os animais que estavam dentro da Arca puderam se salvar.

A Arca relaciona-se ao papel da obediência na salvação.

Hebreus 5:9
“ E, sendo ele consumado, veio a ser a causa da eterna salvação para todos os que lhe obedecem; “

Ao sair da Arca Noé edifica um altar ao Senhor e lhe oferece um sacrifício de um animal limpo, o que como já sabemos, simboliza o sacrifício de Jesus.
Gen. 8: 20 “E edificou Noé um altar ao SENHOR; e tomou de todo o animal limpo e de toda a ave limpa, e ofereceu holocausto sobre o altar. “
Em Noé inicia-se o princípio da autoridade: O Governo Humano.
I Pedro 2:13A
“ Sujeitai-vos, pois, a toda a ordenação humana por amor do Senhor;”
No capítulo 9 lemos de um fato ocorrido com Noé e seus filhos que pode nos ensinar algo sobre o princípio de autoridade.
Gen. 9: 18-29;
18 E os filhos de Noé, que da arca saíram, foram Sem, Cão e Jafé; e Cão é o pai de Canaã. 19 Estes três foram os filhos de Noé; e destes se povoou toda a terra. 20 E começou Noé a ser lavrador da terra, e plantou uma vinha.21 E bebeu do vinho, e embebedou-se; e descobriu-se no meio de sua tenda. 22 E viu Cão, o pai de Canaã, a nudez do seu pai, e fê-lo saber a ambos seus irmãos no lado de fora. 23 Então tomaram Sem e Jafé uma capa, e puseram-na sobre ambos os seus ombros, e indo virados para trás, cobriram a nudez do seu pai, e os seus rostos estavam virados, de maneira que não viram a nudez do seu pai. 24 E despertou Noé do seu vinho, e soube o que seu filho menor lhe fizera.25 E disse: Maldito seja Canaã; servo dos servos seja aos seus irmãos. 26 E disse: Bendito seja o SENHOR Deus de Sem; e seja-lhe Canaã por servo.27 Alargue Deus a Jafé, e habite nas tendas de Sem; e seja-lhe Canaã por servo. 28 E viveu Noé, depois do dilúvio, trezentos e cinqüenta anos. 29 E foram todos os dias de Noé novecentos e cinqüenta anos, e morreu.
Noé tinha três filhos: Sem pai de todos os Semitas de onde descende Abraão e o povo de Israel; Jafé que é pai dos indo-europeus e Cão que pai dos africanos, e filho mais moço.
Nessa passagem vemos que Noé embriagou-se e ficou nu em sua tenda, e essa situação, foi descoberta por seu filho Cão, pai de Canaã. Até aí nada de mau. O problema foi a atitude de Cão diante do ocorrido. Diz as escrituras que Cão “fê-lo saber a ambos seus irmãos”. Para entendermos o erro de Cão observemos a atitude de seus irmãos. Estes entraram de costas para não verem a nudez do pai e o cobriram com uma capa.
Essa passagem das escrituras quer nos ensinar dois princípios com relação a autoridade de Deus sobre uma pessoa.
O primeiro é o princípio da submissão e de como lidar com as falhas daqueles que possuem a autoridade de Deus.
Sem e Jafé nos revelam a maneira certa de lidar com essa situação. O respeito a autoridade os levou a não expor o problema, e mais do que isso, eles trataram de cobrir em amor aquela situação.
Cão ao contrário expos o problema aos irmãos, desrespeitando seu pai.
O resultado disso tudo foi benção sobre a vida dos descendentes de Sem e Jafé e maldição sobre a vida dos descendentes de Cão, e a própria história das nações pode nos confirmar isso.
O outro princípio está relacionado a atitude daqueles que possuem autoridade e que, ao serem confrontados com a rebeldia de alguém, devem tomar cuidado em pronunciar palavras que podem estar carregadas com algum tipo de maldição. Quantos pais e mães, ao perderem a paciência com seus filhos, pronunciam palavras de maldição, o que pode acompanhar os filhos por muitos anos e, amenos que o Senhor Jesus quebre essas maldições, estes seguem amaldiçoados.
O povo africano, descendente de Canaã, filho de Cão, carrega até hoje a maldição de Noé. Graças a Deus que o evangelho ao alcançar aquele povo tem quebrado esta maldição, pois Jesus é maior que Noé e levou sobre si todas as maldições do pecado.
Em Noé aprendemos que Andar com Deus nos leva a obediência, e que, a obediência nos reveste de autoridade e que devemos exercer a autoridade de Deus para abençoar, nunca para amaldiçoar.
Romanos 12:14 [2]
“ Abençoai aos que vos perseguem, abençoai, e não amaldiçoeis.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário